Primeira holding de impacto real de meninas e mulheres do Brasil com foco em educação e independência feminina.

InovaçãoComprometimentoAutonomiaInclusão

Sobre

Quando as empreendedoras sociais Yasmine McDougall Sterea e Viviane Duarte se encontraram, identificaram a potência da conexão de suas iniciativas sociais - Free Free e Plano de Menina - e decidiram juntar suas expertises para transformar a vida de meninas e mulheres de todo Brasil por meio de jornadas presenciais e digitais e ciclos de liberdade que promovam a reconexão com a potência criativa, autoconhecimento, habilidades técnicas e protagonismo para meninas e mulheres que buscam oportunidades para ocupar seus espaços e realizar seus planos com liberdade.

InstitutoPlano deMenina

Criado em 2016 pela jornalista Viviane Duarte e com o objetivo e foco nas meninas de periferias de todo Brasil. Criar o Plano de Menina foi para mim uma resposta à  menina que eu fui um dia. Uma resposta boa e positiva de que era possível realizar planos e que aquela menina periférica não estava louca quando sonhava em ser jornalista, mesmo com todas as circunstancias contrárias. Ela conseguiu e me tornou quem sou – o mínimo que poderia fazer era criar este Instituto e ser ponte de acesso à s outras meninas que ficaram da ponte para lá, sem privilégios para conquistar e sonhar.

Hoje o Instituto atua capacitando e colocando as meninas em espaços de conquista e autonomia de suas vidas, afirma a jornalista. O Instituto promove workshops sobre autoestima, educação financeira, empreendedorismo, direitos, orientação sexual, pertencimento, carreira, liderança, medias sociais, entre outros e tem atualmente cerca de 250 voluntárias espalhadas em 10 Estados, impactando diretamente a vida de mais de 2 mil meninas e as conectando com vagas de emprego, cursos técnicos e bolsas universitárias.

freefree

O Free Free nasceu para apoiar mulheres em sua jornada, de forma que elas possam ressignificar suas dores, expressar seu potencial e conquistar a liberdade fí­sica, independência emocional e financeira. Fundado por Yasmine McDougall Sterea, o Free Free utiliza uma metodologia própria através de experiências, palestras e workshops partindo da moda como ferramenta de transformação. Para contribuir com um mundo livre da culpa, do medo e das inseguranças, foi lançado o Instituto Free Free, uma organização social que atua dentro de uma estratégia de rede com outras ONGs e instituições. Uma das parcerias do instituto com o Ministéio Público do Estado de São Paulo, que encaminha mulheres em situação de vulnerabilidade social e emocional para os workshops ministrados por Yasmine McDougall Sterea.

Essa parceria resultou nas campanhas #EUDECIDO, que tem como foco promover a liberdade da mulher a partir do momento em que ela toma suas próprias decisões, e #A_GENTE, que convida homens e mulheres a lutarem contra a violência e desigualdade de gênero, que em 2019 resultou na nomeação de Yasmine como uma das 19 mulheres do ano pela Universa do UOL. Cerca de 5 mil pessoas já foram impactadas pelas ações sociais do Free Free e mais de 100 mil foram impactadas pelo projeto direta ou indiretamente. O Free Free realiza campanhas ligadas ao feminismo, sustentabilidade, empreendedorismo e de combate a violência contra a mulher e ao assédio.

Dois mundos diferentes que se cruzam com um só propósito. Fazer a diferença na vida de meninas e mulheres do Brasil.


Viviane

Duarte

"Eu quero usar meus privilégios para ser ponte de acesso às meninas de todas as periferias do Brasil. Quero que elas realizem seus planos. Que tenham oportunidades e que sejam protagonistas de suas histórias."

É jornalista, especialista em marketing de consumo e comunicação social e se tornou uma das empreendedoras sociais com foco em trabalho com meninas com mais reputação do Brasil. Viviane é uma mulher de origem periférica que por meio da educação e mentoria de sua mãe e avó conseguiu hackear o sistema e de um cortiço onde vivia na infância, se tornar executiva de marketing e comunicação de empresas globais, criar sua própria consultoria em 2010, a Plano Feminino – com foco em construir marcas sem estereótipos e um mundo corporativo mais igualitário. Vivi Duarte como é conhecida já palestrou em grandes eventos internacionais como o WOW! Women of the World em Londres, conquistou o Prêmio Paulistana Nota 10 da Revista VEJA SÃO PAULO, é TED Speaker e consultora de empresas que buscam construir um ambiente mais igualitária na propaganda de suas marcas e no dia a dia da companhia. Em 2016 ela decidiu criar o Instituto Plano de Menina como forma de voltar à sua infância e resgatar o futuro de amigas que não puderem conquistar seus planos e ficaram pelo caminho.

“Eu quero usar meus privilégios para ser ponte de acesso às meninas de todas as periferias do Brasil. Quero que elas realizem seus planos. Que tenham oportunidades e que sejam protagonistas de suas histórias. Na minha infância vi muitas amiguinhas serem desencorajadas a sonhar, por conta da falta de recursos, até hoje nada mudou, por isso, nascemos – para ENCORAJAR MENINAS A SONHAR E TEREM PLANOS.”

Yasmine

Sterea

“Por um mundo onde meninas e mulheres sejam livres para ser quem são. Sem vergonha, nem culpa, nem medo de nada. E com isso descubram sua potência e encontrem sua liberdade física, emocional e financeira. Enquanto ainda existir uma menina ou mulher que não tenha se libertado meu trabalho seguirá.”

Mãe de Violeta Lua, filha de Lillian Rose, Yasmine McDougall Sterea é também Jasmim e parte da família das flores. Intuitiva. Sempre sonhadora. Mulher selvagem, loba, zebra. Plural por natureza. Bailarina por formação. Ex-estudante de direito. Diretora criativa, stylist, empreendedora social. Mãe. Palestrante. Mulher guerreira. Forte. Daquelas que desbravam o novo com coragem. Pioneira. Já morou em Londres, Nova York, Rio, São Paulo. Cigana? Talvez. É artista.
Yasmine é mestre em moda pelo Instituto Marangoni de Londres. Já assinou mais de vinte capas para Vogue com nomes como Rihanna, Gisele Bündchen, Adriana Lima, Naomi Campbell, Kim Kardashian. Fez “Vai, malandra” com Anitta. Hoje, é CEO e diretora criativa do Free Free, plataforma multidisciplinar e instituto que visa liberdade física, emocional e financeira de meninas e mulheres. É criadora do Zebra Zebra e Co-CEO da Plano Free Free, maior holding de impacto real para meninas e mulheres com foco em educação e independência feminina. Lançou as campanhas #EuDecido e #A_GENTE com o Ministério Público. Já palestrou no Congresso Nacional. E desenvolveu a metodologia Eu Decido Ser Eu, que usa a moda como ferramenta de cura e reconexão com a potência criativa. Já ministrou workshops para mulheres superadoras de violência. Para crianças e adolescentes de comunidades. Foi nomeada uma das dezenove mulheres de 2019 pela Universa, UOL. Sonha por um mundo mais justo e igualitário em que mulheres nunca mais sintam vergonha, medo ou culpa e se libertem do mito da mulher perfeita e se tornem quem quiserem ser.

Hoje sonha alto. Bem alto. Porque o limite de onde chegamos vem da nossa coragem e não das paredes sólidas que podemos quebrar. Enquanto existirem mulheres que ainda não se libertaram, no Brasil ou no mundo, seu trabalho seguirá. Yasmine é criadora de histórias, escritora e autora do livro Eu Decido ser Eu. Yasmine acredita que, se nos unirmos criativamente por um mundo melhor, todas viramos artistas, criadoras e cocriadoras. Dessa e de muitas outras histórias também.

SEJAMOS LIVRES.
JUNTAS.

Meninas eMulheresProtagonistas

A disparidade social apresentada todos os anos no Mapa Social do IBGE mostra o quanto meninas e mulheres sem privilégios são impedidas de serem protagonistas de suas histórias. Quando fazemos um recorte de raça e olhamos para meninas e mulheres negras, os números são ainda mais alarmantes. No Brasil, apenas 0.4% das executivas mulheres em cargos de liderança são negras e estas ganham cerca de 40% menos exercendo o mesmo cargo, em relação a um homem branco hétero de classe social média. Esta desigualdade de gênero e raça leva meninas e mulheres a falta de autonomia financeira e consequentemente as torna reféns de relacionamentos abusivos e até de feminicídio – hoje o Brasil está em quinto lugar no ranking mundial entre os países que mais matam mulheres no mundo. Em pesquisas recentes realizadas por nosso núcleo de inteligência, meninas de 10 Estados responderam sobre seus sonhos e planos e 70% das 2 mil entrevistaram disseram ter medo do futuro, pois, sem oportunidades elas acabariam reproduzindo as histórias de suas avós e mães e vivendo um relacionamento abusivo de dependência da figura masculina para sobreviver. Elas merecem mais. Meninas e mulheres. Por isso estamos aqui. O Plano Free Free criou uma jornada de pertencimento, autoestima, autocuidado e capacitações onde elas poderão ampliar sua visão de mundo e ter oportunidades para escrever suas histórias como protagonistas. No Brasil, há mais de 1,7 milhões de meninas e mulheres de 15 a 29 anos que não completaram o ensino média, não estudam e não exercem atividade remunerada. Entre as meninas e mulheres na faixa etária de 15 a 29 anos, as que deixaram o ensino médio e não têm filhos são 13,7%. As que têm filhos, não completaram o ensino médio e estão fora da escola são 29,6%. 70% das meninas gostam e querem praticar algum tipo de esporte, mas 49% delas acabam desistindo por medo da masculinização.* *Instituto Unibanco, dados da PNAD e do IBGE.


Jornada

PlanoFree Free

Criamos uma junção de metodologia onde meninas e mulheres de 14 a 65+ poderão se capacitar com inteligência emocional e técnica, se transformando em líderes e donas de seus mundos.

Acolhimento:

saúde emocional e autoestima

Plano dePossibilidades:

carreira e empreendedorismo

Plano financeiro:

finanças, investidores e investimentos

Expansão:

marketing digital e redes sociais

Liberdade:

plataforma de divulgação

Comofunciona

1. A mulher ou menina ingressa no projeto e entra para jornada teen e para o ciclo de liberdade através da nossa rede de ONGs ou instituições associadas para preparação como potência durante 2 meses. Ela tem acesso aos ciclo digital, as mentorias ao vivo e acompanhamento pela equipe do Plano Free Free. 2. O Plano Free Free acompanha toda a jornada da mulher e da menina para que ela consiga furar a bolha e se tornar protagonista de sua história e disponibilizada coach online semanalmente na plataforma para orientar as participantes em relação a carreira, autoestima, entre outros temas. 3. Ela se forma e caso deseje se tornar uma multiplicadora ou mentora ingressa em nosso banco de talentos para se conectar a oportunidades de trabalho, cursos e eventos gratuitos. 4. As mulheres acima de 18 anos terão seus empreendimentos e projetos divulgados na nossa rede online para promover seus trabalhos.

Acelerando Empreendedoras Sociais e Espalhando Propósito.


Rede PlanoFree Free:faça partecom a sua ONG

A Plano Free Free atuará também como uma rede de aceleração de Ongs criadas para mulheres para que tenham acesso a metodologia, treinamento, preparação e capacitação e estas se tornem transformadoras de impacto social para meninas e mulheres da Rede Plano Free Free pelo Brasil. Para as empreendedoras sociais que tiverem interesse em fazer parte da maior holding de impacto social real do Brasil para meninas e mulheres, basta inscrever sua ONG neste link e ela passará por uma avaliação do time de especialistas da holding, Sendo aprovada, sua ONG passará a fazer parte deste movimento de cura, autoconhecimento, capacitação e transformação de meninas e mulheres livres.

Depoimentos:

PLANO DE MENINA

“No projeto eu aprendi a me colocar em primeiro lugar e focar na minha saúde mental, pois só assim poderia seguir realizando meus planos”

Lucy Nascimento, 19 anos


“Me aceito hoje do jeito que sou, sem reclamar e amando cada parte de mim.”

Andressa da Luz, 14 anos


“Eu sei que não preciso me comparar com outras meninas nas redes sociais, cada uma tem sua história e devemos sempre respeita lás.”

Erica Duarte, 15 anos


FREE FREE

Certa vez, li a seguinte frase: “Diversidade é chamar para a festa, e inclusão é chamar para dançar!”
Desde o dia em que meu celular tocou e ouvi uma fada do outro lado chamada Yasmine, eu tenho dançado a música da minha vida, a música que eu decidi dançar, cantarolar e escrever. Tenho uma má formação na medula desde que nasci, então sempre fui paraplégica, e sempre fui eu, a Belle. Mas foi daquele telefonema em diante que consegui significar externamente quem eu era e o que sentia internamente, e entendi o meu propósito: dar voz, esperança e ambição a todas as pessoas, dizer aos quatro ventos que, por mais difícil que seja, você decide a intensidade. Obrigada, Free Free, por me descobrir, sempre serei seu par!

Izabelle Marques


“Até semanas atras eu não faria um vídeo sem maquiagem. O Free Free foi um presente de deus na minha vida, ele realmente me libertou. Depois do workshop, eu pude me amar.”

Talita Oliveira


“Com o Free Free, aprendi que a roupa é a nossa segunda pele. Eu nunca tinha parado para pensar nisso, no que a roupa representava. Ali eu consegui força e garra, tive von- tade de cuidar de mim, de me defender. Eu não sei explicar, mas foi a minha transformação! A partir daquele momento, tinha de decidir se ia continuar no chão ou engatinhar, me reerguer, me levantar. Eu decidi mudar minha vida, ir para cima do problema e enfrentá-lo, sem fugir. “Vou reagir, vou me mexer!”, pensei. O Free Free mudou minha vida, me deu uma força que eu não imaginava e, a partir daí, pude sonhar e acreditar em mim de novo, pude saber que é possível. Você me deu coragem e é responsável pela minha vitória. Hoje, eu me amo muito, e você me devolveu meu amor-próprio. Amor que eu tinha perdido. Eu sou capaz, eu sou forte, eu posso, eu quero, eu consigo! Comecei a observar mais as roupas que uso, as pes- soas, os lugares, pude agarrar as oportunidades que foram vindo. Não tenho palavras para agradecer, só tenho vontade de abraçar Yasmine e dizer: “Muito obrigada por mudar minha vida com suas palavras!”.

Thelma Dias do Vale


info@freefree.art | cnpj 29.778.320/0001-59 free free | rua aspicuelta, 672 | são paulo